Seja o primeiro a compartilhar

Dinossauro descoberto por fazendeiros na Austrália é o maior já achado no país

No coração do vasto outback australiano (região desértica do país), onde o horizonte se mescla com o infinito, uma história de descoberta épica se desdobra. Recentemente, um esqueleto de dinossauro encontrado por um casal de fazendeiros em meados da década de 2000 foi reconhecido como o maior dinossauro já encontrado na Austrália.

Numa tranquila fazenda em Eromanga, no sudoeste de Queensland, Robyn Mackenzie e seu marido, Stuart, dedicavam-se à tarefa de reunir seu gado. No entanto, o que começou como uma rotina comum, logo se transformou em um capítulo marcante na vida deles. 

Ossos no quintal

Os ossos de Cooper estão no museu Eromanga, na Austrália. (Fonte: Eromanga National History Museum / Divulgação)Os ossos de Cooper estão no museu Eromanga, na Austrália. (Fonte: Eromanga National History Museum / Divulgação)

Robyn e Stuart percorriam a fazenda quando pensaram ter encontrado rochas negras, algo que não se comprovou quando observaram de perto: as rochas eram, na verdade, ossos gigantes de algum animal gigantesco. Logo, esse local se tornou centro de delicadas escavações feitas pelo Museu de História Natural de Eromanga. 

Quinze anos se passaram desde aquela descoberta inesperada, e o que emergiu desse solo foi nada menos que um titanossauro, em espécie gigante de dinossauro que está entre os maiores já encontrados no mundo. Os especialistas apontam que o animal tenha tido de 5 a 6,5 metros de altura e medido de 25 a 30 metros de comprimento. São medidas de respeito!

Por ter sido localizado perto do rio Cooper Creek, o dinossauro recebeu o singelo nome de "Cooper". No mesmo sentido, o nome científico do animal foi definido como Australotitan cooperensis.

O Museu de História Natural de Eromanga, sob a direção de Robyn Mackenzie, revelou oficialmente que este é o maior dinossauro já desenterrado na Austrália.

Para os olhos experientes dos paleontólogos do Museu de Queensland e do Museu de História Natural de Eromanga, Cooper não é apenas uma descoberta única — é uma janela para um capítulo novo e emocionante na história dos dinossauros.

O turismo agradece

Crianças se divertem olhando o tamanho magistral de Cooper. (Fonte: Eromanga National History Museum / Divulgação)Crianças se divertem olhando o tamanho magistral de Cooper. (Fonte: Eromanga National History Museum / Divulgação)


A descoberta de "Cooper" trouxe não apenas um tesouro pré-histórico à luz, mas também uma onda de entusiasmo turístico à região. O Museu de História Natural de Eromanga viu suas visitas triplicarem, à medida que curiosos de todo o mundo se reuniam para testemunhar a grandiosidade de "Cooper". 

Robyn Mackenzie compartilhou sua esperança de que a descoberta atraia ainda mais a atenção internacional para Queensland e coloque a região no cenário mundial da paleontologia.

Essa incrível jornada de descoberta é apenas o começo de uma narrativa muito maior. Enquanto "Cooper" reina soberano como o maior dinossauro da Austrália, os paleontólogos continuam explorando os confins do passado, revelando histórias que têm permanecido enterradas por milênios e, de quebra, gerando mais atratividade à região. 

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.