Seja o primeiro a compartilhar

Como uma palavra entra para o dicionário?

A linguagem é um recurso humano de expressão que costuma se moldar conforme as décadas vão passando e novas gerações de pessoas começam a criar diferentes recursos linguísticos para descrever ações, pessoas ou objetos. Consequentemente, os dicionários também passam por diversas transformações ao longo dos anos e novas palavras vão sendo inseridas.

Mas o que faz com que uma palavra seja digna de entrar para um dicionário da língua portuguesa e como esse processo é feito? Através desse artigo, você poderá compreender um pouquinho mais sobre o processo de decisão que permite a inserção de uma nova palavra nos registros linguísticos.

O responsável por atualizar os dicionários

(Fonte: USP Imagens)(Fonte: USP Imagens)

Antes de entendermos como uma palavra entra para o dicionário, precisamos saber quem é que toma essas decisões. Essa função é tarefa do lexicógrafo ou dicionarista, um profissional responsável por monitorar o uso de novas palavras em materiais impressos, escrita virtual e também na linguagem falada.

Junto de todas essas informações, os lexicógrafos também passam a anotar o significado contextual dessas novas formas de expressão e categorizá-las. A partir disso, uma base de dados de pesquisa é criada e os pesquisadores começam a buscar ativamente o uso da palavra em diferentes origens.

Uma vez que evidências sólidas sobre o uso da expressão e de seu significado sejam coletadas, a palavra é autorizada a ser impressa nas versões mais recentes de um dicionário. A Oxford Languages, maior editora mundial de dicionários, produz quatro atualizações de seus dicionários por ano — incluindo a versão PT-BR.

Adição e remoção de palavras

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

É bastante incomum que uma palavra seja removida dos dicionários. A Oxford, por exemplo, garante nunca ter feito a remoção de uma expressão desde que passou a trabalhar no ramo. No lugar, se uma palavra passa a ser considerada "fora de época", a descrição passa a apontar que seu uso tornou-se obsoleto.

Dessa forma, o dicionário segue mantendo sua função de descrever todas as palavras que já fizeram parte de uma língua. Então, caso você esteja lendo um livro antigo e não saiba o significado de alguma coisa, sempre existirá uma fonte confiável para sanar suas dúvidas linguísticas.

Segundo os dados da Oxford, entre 500 e 1.000 palavras são acrescentadas aos dicionários todos os anos. Portanto, qualquer palavra pode ser encontrada em um dicionário contanto que ela tenha se tornado consideravelmente popular antes de você realizar sua busca.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.