Por que conhecer a cultura de um país para aprender um idioma?

Você está aprendendo ou já fala alguma língua e mesmo assim sente que não consegue criar conexões com as pessoas? Saiba que, para ser um bom comunicador, é preciso ir além de apenas entender a gramática e o vocabulário do idioma. Esses são apenas o ponto de partida.

Um dos elementos principais para realmente dominar uma língua é saber o que é apropriado em cada situação e como comunicar suas intenções da melhor forma. O que não é simples, pois nem todos os idiomas ou culturas têm as mesmas definições.

E é aí que entram as "normas sociais" — a maneira que alguns comportamentos são determinados pela sociedade direta e indiretamente e são transmitidos, por meio de costumes e de linguagem, por exemplo.

"Vivendo" uma nova língua

Sem percebermos, fazemos suposições sobre as outras pessoas com base na linguagem que usam. Por gentileza, por obséquio, por delicadeza, por cortesia, por amabilidade — ou apenas: por favor. No português, por exemplo, temos diversas maneiras de expressar respeito em algum pedido e, dependendo do contexto, pode soar estranho ou formal demais.

Além disso, as crenças comuns do país são fundamentais em cada cultura e cada pessoa pode manifestar essas crenças de maneira diferente. Mas, como reconhecê-las e não ofender ninguém? É preciso aprender a realmente ouvir os outros, aprimorando suas habilidades de compreensão no idioma e praticando a observação crítica. E não tenha medo de perguntar ou confirmar se está usando a palavra, entonação, pronúncia e contexto certos.

Por que aprender um novo idioma?

Por último, mas não menos importante, você deve se compreender. Aqui, o principal é se entender enquanto está falando uma língua. Isso mesmo! Para conseguir se expressar o melhor possível no novo idioma, você deve saber porque deseja usá-lo.

Se questione: qual é a sua própria cultura e que atitudes você adota ao interagir com outra pessoa? Quais são as normas sociais que você valoriza? Onde você pode se comprometer? Quem é você e quem deseja ser neste novo ambiente cultural? Então, é só aplicar seu vocabulário e conhecimentos na vida real.

No app do Duolingo, temos exemplos de como as pessoas são educadas em sua língua nativa em diferentes lugares e situações. Nos cursos mostramos habilidades que sinalizam as normas sociais na aprendizagem do idioma, como a distinção entre o "você" formal e o informal, entre outros.

Outra dica é o podcast do Duolingo. Quando estiver ouvindo, preste atenção à maneira como o apresentador contextualiza e interpreta a narrativa que se desenrola. Ele estará demonstrando observação e escuta críticas.

  • Coluna escrita com a colaboração de Hope Wilson.

***

Analigia Martins é diretora de Marketing no Brasil de Duolingo, a maior plataforma de aprendizado de idiomas do mundo e o aplicativo mais baixado na categoria de Educação no iTunes e na Google Play. Responsável por aumentar a notoriedade e o crescimento do Duolingo no Brasil, segundo maior mercado da empresa, a executiva tem 20 anos de experiência em marketing de serviços, especialmente na área de Educação no Brasil e nos Estados Unidos. Analigia é pós-graduada em Administração de Empresas pela Universidade Harvard e bacharel em Publicidade pela Fundação Cásper Líbero.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.