Seja o primeiro a compartilhar

Conheça 6 dos transtornos mentais mais assustadores

Os nomes podem soar diferentes e você nem mesmo precisa ter ouvido falar a respeito, mas mais de 450 milhões de pessoas em todo o mundo convivem com alguma espécie de transtorno mental. O número já levou a que as autoridades de saúde considerem haver uma epidemia nos Estados Unidos, onde 25% das famílias possuem algum familiar acometido por uma doença.

Com causas muito distintas, que podem ir de uma depressão severa a uma enxaqueca, a maior parte das causas ainda estão ligadas a lesões ou traumas cerebrais. Pode até acontecer de algum distúrbio citado aqui parecer engraçado, mas é sempre bom reforçar que saúde é um tema sério - e pode ser bem aterrorizante. Abaixo você encontra o que consideramos ser os 6 transtornos mentais mais assustadores.

1. Síndrome da mão alheia

(Fonte: Nothing Ahead/Pexels)(Fonte: Nothing Ahead/Pexels)

Também conhecida pela alcunha de "síndrome da mão alienígena", é uma condição que atinge menos de 1% da população mundial, de acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). É uma síndrome neurológica que afeta o membro superior de forma unilateral. Quem é acometido por esta síndrome tem a sensação que aquela parte do corpo não lhe pertence e tem vontade própria.

Ela é ligada a diversos tipos de lesões no cérebro, podendo ser desencadeada por tumores, lesões causadas por um AVC, erros cirúrgicos e até mesmo doenças degenerativas. Não há tratamento específico para a doença, que costuma ser irreversível.

2. Transtorno de identidade da integridade corporal (TIIC)

(Fonte: Pebmed/Reprodução)(Fonte: Pebmed/Reprodução)

O transtorno de identidade da integridade corporal (TIIC) é uma condição muito rara, cujos portadores não se identificam com um corpo inteiro. O TIIC se caracteriza pelo desejo incontrolável de livrar-se de um ou mais membros saudáveis do corpo.

É como se fossem tomados por um sentimento de que retirar aquela parte corrigiria uma discrepância entre a anatomia da pessoa e seu sentimento de "verdadeiro eu", conforme explicou o psiquiatra Michael First, em entrevista à revista Superinteressante.

Quem é acometido por este transtorno não se acha feio, apenas sente que uma parte específica de seu corpo não deveria estar ali.

3. Licantropia

(Fonte: Patrice Schoefolt/Pexels)(Fonte: Patrice Schoefolt/Pexels)

Sabe o lobisomem? Então, se ouvir alguém afirmar que está virando um, ou mesmo um lobo, essa pessoa, provavelmente, possui um raro transtorno psiquiátrico chamado licantropia. Ele é caracterizado pela ilusão que a pessoa afetada por ela tem de que pode se transformar em um lobisomem.

Esse é um tipo de zoantropia, transtorno no qual o indivíduo acredita que é capaz de se transformar em um animal. Esse transtorno é relacionado a outras desordens psicológicas, como a psicose, a esquizofrenia, distúrbio bipolar ou até depressão.

4. Síndrome de Capgras

(Fonte: Cottonbro/Pexels)(Fonte: Cottonbro/Pexels)

Parece roteiro de Black Mirror, mas a Síndrome de Capgras é um distúrbio psiquiátrico sério. Indivíduos acometidos por este problema acreditam que alguma pessoa conhecida tenha sido trocada por um sósia, ou até mesmo um impostor. E é qualquer pessoa mesmo, seja pai, filho ou amigo.

É um transtorno raro e difícil de diagnosticar e suas causas não são totalmente conhecidas. Contudo, acredita-se que possa ser causado por danos nas áreas do cérebro que identificam os rostos e oferecem resposta emocional.

5. Síndrome do sotaque estrangeiro

(Fonte: A Mente É Maravilhosa)(Fonte: A Mente É Maravilhosa)

A Síndrome do sotaque estrangeiro é um transtorno raro, caracterizado pelo paciente ter afetada sua fala, adicionando um sotaque estrangeiro à sua maneira de expressar sua língua nativa. Seria como você, nascido e criado no Brasil, do nada passasse a falar com um sotaque típico do Texas, nos Estados Unidos.

A ligação deste distúrbio costuma resultar de danos cerebrais, ainda que já tenham sido relatados casos decorrentes de problemas de desenvolvimento e de severo quadro de enxaqueca.

6. Síndrome da cabeça explosiva

(Fonte: History)(Fonte: History)

Imagine estar dormindo e ter seu sono interrompido por uma grande explosão. É quase isso que acontece com quem é acometido pela Síndrome da Cabeça Explosiva, um distúrbio do sono raro.

A causa deste transtorno ainda não foi determinada, ainda que inúmeras hipóteses tenham sido levantadas, como convulsões e enxaqueca, por exemplo. Apesar de soar horrível, não há dor associada a esta condição, ainda que seja, realmente, assustadora e possa gerar crises de ansiedade e estresse.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.