5 mulheres negras que moldaram o Rock and Roll

É bem usual ouvir histórias sobre grandes homens que mudaram a história da música, ainda mais a do Rock and Roll. Só que as mulheres que inovaram ou tiveram um papel importante na indústria nem sempre são lembradas, ainda mais as negras. O livro Black Diamond Queens: African American Women and Rock and Roll pretende mudar isso ao focar exatamente nelas.

A publicação que chegou às prateleiras americanas recentemente faz questão de lembrar de histórias das mulheres negras que ajudaram a moldar e enriquecer o cenário musical do Rock. Isso inclui aqueles que emprestaram suas vozes a hinos do gênero e nao tiveram o reconhecimento devido.

Uma excelente leitura para quem quer conhecer mais sobre essas grandes artistas
Excelente leitura para conhecer mais sobre essas grandes artistas

Mahon afirma que seu livro faz o possível para retificar essas omissões e trazer as mulheres ao conhecimento do público.

Para celebrar mais essas mulheres enquanto o livro não chega oficialmente no Brasil, nós separamos 5 artistas negras que moldaram o Rock and Roll nas últimas décadas.

1. Merry Clayton

Um ícone que nem sempre é lembrado por suas contribuições
Um ícone que nem sempre é lembrado por suas contribuições

Para começar bem, já vamos citar um dos principais casos abordados no livro de Mahon. Merry Clayton é uma artista que sempre focou na música gospel e soul, tendo cantando ao lado até de Ray Charles antes de ser chamada para uma participação vocal na na canção Gimme Shelter dos Rolling Stones.

A autora Mareen Mahon garante que sem o poderio vocal e estilo de Clayton, a música certamente não teria o mesmo impacto. Mesmo assim, ela raramente é lembrada ou citada quando a música é discutida por entusiastas musicais.

Felizmente, pudemos ouvir participações maravilhosas de Clayton em vários outros álbuns. A boa notícia é que mesmo hoje, com mais de 70 anos de idade, ela ainda está ativa no ramo musical.

2. Rosetta Tharpe

Dos precursores do Rock, Rosetta é uma das mais influentes
Dos precursores do Rock, Rosetta é uma das mais influentes

Não há como falar das mulheres negras que influenciaram o Rock sem mencionar Rosetta Tharpe. Ele é considerada por muitos como a madrinha do gênero, já que foi a primeira a misturar música gospel com um tipo ritmo que viria a se tornar o Rock mais tarde.

Ela também foi uma das primeiras a utilizar distorção em uma guitarra elétrica, algo que se tornou o padrão deste estilo. Fora isso, diversos ícones como Chuck Berry e Elvis Presley citavam Tharpe como uma de suas grandes inspirações musicais. 

Tharpe morreu ainda em 1973, mas foi incluída no Rock and Roll Hall of Fame
em 2017.

3. Betty Davis

Davis teve bastante coragem de mostrar uma atitude mais forte neste época
Davis teve bastante coragem de mostrar uma atitude mais forte neste época

Durante as décadas de 1960 e 1970, uma das artistas que brilhou e fez a diferença foi Betty Davis. Ela focava especialmente no Funk e no Soul, mas isso não a impediu de influenciar outros músicos no Rock, especialmente aqueles que adoravam misturar diferentes estilos.

Mesmo em seu casamento com Miles Davis houve algum tipo de influência, já que ela apresentou às músicas de Sly Stone e Jimi Hendrix, só para citar alguns. Não bastasse isso, sua atitude e álbuns sempre foram excessivos, celebrando a liberdade sexual das mulheres.

Isso tudo em uma época que as mulheres ainda estavam lutando por seus direitos básicos.

4. Memphis Minnie

Sem Memphis Minnie, dá para afirmar sem medo que o Rock não seria o mesmo
Sem Memphis Minnie, dá para afirmar sem medo que o Rock não seria o mesmo

Quem gosta de Rock sabe que tudo começou com o Blues, um gênero que por si só foi inventado por afro-americanos ainda na década de 1860. Só que grandes artistas começaram a se destacar no Blues só no início do século 20.

Uma das mulheres que realmente fez a diferença nesse estilo musical foi Memphis Minnie. Dentre as décadas de 1920 a 1950, ela conseguia cativar qualquer um quando pegava o violão o ou a guitarra.

Durante sua carreira, Minnie teve vários sucessos e muitas das músicas que escreveu chegaram a ser regravada pelo Led Zeppelin e pelo Jefferson Airplane anos mais tarde.

5. Tina Turner

Sem dúvidas, a verdadeira rainha do Rock and Roll
Sem dúvidas, a verdadeira rainha do Rock and Roll

Possivelmente a mais famosa dentre as mulheres negras não só no Rock, mas em toda a indústria musical, Tina Turner fez a diferença e deixou sua marca para sempre neste gênero.

Ela foi uma das primeiras mulheres a levar o Rock and Roll para um grande público, mesmo tendo um foco tão grande no Soul e R&B. Músicas que ela gravou (ou regravou) como Proud Mary, Nutbush City Limits e Acid Queen são só alguns exemplos da evolução do Rock que ela ajudou a moldar.

Até hoje ela é considerada pelos fãs do gênero como a verdadeira rainha do Rock and Roll. Um título que não dá para questionar!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.