Seja o primeiro a compartilhar

As picadas de aranha mais comuns: veja os sintomas e como tratar

Aranhas! Os aracnídeos são o pesadelo de muitas pessoas que sofrem com aracnofobia – e até por quem só teme essas criaturas sem um quadro clínico. Por isso, é importante disseminar as informações corretas, afinal, por incrível que pareça, é possível conviver com elas em paz e harmonia. As recomendações gerais quando se é picado por uma aranha são:

  1.  Elevar o membro que foi picado para diminuir a corrente sanguínea;
  2. Lavar o local com água e sabão;
  3.  Não fazer torniquete! Ou seja, não amarrar e nem prender o local da picada;
  4.  Usar compressas mornas em cima da picada para aliviar a dor;
  5.  Ir imediatamente ao hospital. Se matar a aranha, leve-a em um potinho para que a equipe possa averiguar.

Contudo, no Brasil, há 3 aranhas nas quais devemos prestar mais atenção e tomar cuidado: a aranha-armadeira (Phoneutria sp.), a viúva-negra (Latrodectus sp.) e a aranha-marrom (Loxosceles sp.). Essas, sim, causam problemas se picarem seres humanos e podem causar muitos danos além da dor.

Portanto, confira abaixo os sintomas e como tratar a picada dessas três aranhas especificamente:

1. Viúva-negra

Fonte: Wikimedia Commons/Ken ThomasFonte: Wikimedia Commons/Ken Thomas

Apesar de estarem presentes em todo o Brasil, são mais comuns em regiões litorâneas. As viúvas-negras têm cerca de 2 cm, pernas longas e corpo pequeno e preto, com uma mancha característica na região da barriga. Ela não é agressiva, mas pica se for pressionada contra o corpo.

Como lidar com a picada da viúva-negra?

Os sintomas incluem dor aguda no local da picada durante os primeiros minutos e, nas 48 horas seguintes, sensação de queimação intensa. Náusea, vômito, dores musculares e aumento da temperatura corporal também são comuns.

O tratamento para a picada de viúva-negra é a aplicação do soro para o veneno da aranha. Contudo, em alguns casos, é recomendada a internação do paciente por algumas horas, geralmente, para acompanhamento clínico.

2. Aranha-marrom

Fonte: Wikimedia Commons/Valdez-Mondragón, Navarro-Rodríguez, Solís-Catalán, Cortez-Roldán & Juárez-SánchezFonte: Wikimedia Commons/Valdez-Mondragón, Navarro-Rodríguez, Solís-Catalán, Cortez-Roldán & Juárez-Sánchez

A aranha-marrom tem cerca de 3 cm e uma coloração marrom esverdeada. Essa aranha é muito pacífica e produz pouco veneno, apesar de ele ser tóxico e poder causar necrose no local da picada. Ela tem hábitos noturnos, então, pode acabar picando quando a pessoa calça um sapato, vira-se na cama ou veste uma peça de roupa, por exemplo.

Como lidar com a picada da aranha-marrom?

Os sintomas da picada aparecem depois de 24 horas e incluem muita dor, vermelhidão, inchaço, febre, vômito e uma ferida na região, que forma uma casquinha preta.

A recomendação é, caso tenha certeza de que foi picado pela aranha, ir a um hospital ou posto de saúde nas primeiras 24 horas, que é o tempo recomendado para tomar a injeção do soro para o veneno da aranha-marrom. Além disso, deve-se manter a região do machucado seca e evitar se movimentar muito, já que isso ajuda a espalhar o veneno na corrente sanguínea.

3. Aranha-armadeira

Fonte: Wikimedia Commons/MgfgouveiaFonte: Wikimedia Commons/Mgfgouveia

A aranha-armadeira é encontrada em todo o território brasileiro e atinge 15 cm de tamanho, podendo variar em cor entre um marrom acinzentado e amarelado. Diferente da aranha-marrom e da viúva-negra, elas são bastante agressivas, e picam quando se sentem ameaçadas. Elas são conhecidas por se apoiarem nos dois últimos pares de pernas e erguerem o resto do corpo antes de atacar.

Como lidar com a picada da aranha-armadeira?

Após a picada, a vítima sente dores muito fortes no local, que incha e fica vermelho. Além disso, outros sintomas comuns são o aumento do batimento cardíaco, suor, vômito, diarreia e aumento da pressão arterial.

Na maioria dos casos, o tratamento para a picada da aranha-armadeira é feito com anestésicos, já que, apesar dos sintomas, os quadros não costumam agravar e desaparecem em até 3 horas após o acidente. Porém, em casos mais graves, quando há falta de ar e perigo de parada cardíaca, o soro contra o veneno da aranha deve ser administrado em um hospital ou posto de saúde.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.