Seja o primeiro a compartilhar

6 explicações por que as galinhas são dinossauros

Falar em dinossauros pode ser problemático, já que o termo abrange uma gama ampla de animais de diferentes grupos e subgrupos. A tendência é pensar que eles foram completamente extintos, mas dentro do grupo dos dinos aviários, parte sobreviveu e evoluiu para diferentes espécies de pássaros, entre eles, de acordo com esta teoria, as galinhas.

Entre as características divididas por galináceos e o tiranossauro, por exemplo, estão que ambos eram detentores de ossos ocos e três dedos em cada pé. Parece pouco? Então, pegue o balde de pipoca, prepare-se para conferir 6 razões bastante intrigantes para galinhas e dinossauros serem "parente".

1. Ossos

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Os cientistas John M. Rensenberger e Mahito Watabe fizeram um trabalho muito importante na análise da divisão de dinossauros entre aviários e não aviários. Na pesquisa da dupla, descobriram que pássaros não tinham tubos que levavam nutrientes para as células ósseas, diferente dos mamíferos. Quando voltaram sua atenção aos dinossauros, adivinha? Alguns deles tinham padrão ósseo muito semelhante ao de pássaros modernos, como a galinha.

2. Ovos

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Até onde a ciência sabe, dinossauros botavam ovos, tal qual as galinhas e outras aves. Ainda faltam algumas espécies, mas o consenso na comunidade científica é que todos os dinossauros procriavam desta maneira. Se fizessem como as galinhas, é provável que colocassem, em média, 20 ovos a cada vez, sendo que a maioria deles não chegasse a completar um ano.

Uma curiosidade é que bebês dinossauros, a depender da espécie, ganhavam, em média, até 700 quilos por ano. Ainda bem que as semelhanças não chegaram ao tamanho. Imaginou galinhas enormes andando por aí? 

3. Penas

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Penas ajudam um pássaro a voar, mas não são preponderantes a que isso ocorra, apesar de relacionarmos as penas com voo. Na realidade, as penas foram utilizadas, inicialmente, para isolamento térmico, comunicação e para repelir água.

Dinossauros aviários também possuíam penas - e alguns não aviários também. Um bom exemplo da ligação entre as galinhas e os dinos é o archaeopteryx, uma criatura emplumada muito semelhante a diversos pássaros modernos.

4. Pés

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Diferente do que os filmes da franquia Parque dos Dinossauros mostraram, o Velociraptor não tinha o tamanho próximo a um avestruz, sendo, provavelmente, mais semelhante a uma galinha. Outra semelhança entre essas duas espécies pode ser encontrada se analisamos seus pés. Dinossauros tendiam a possuir três dedos em cada pé, muito semelhante aos pássaros modernos.

Análises de pegadas fossilizadas mostraram que até o modo de caminhar era muito semelhante. A título de curiosidade, os relatos dos primeiros descobridores de pegadas de dinossauros nos mostram que eles acreditavam ter encontrado vestígios de pássaros. Incrível, não?

5. Cor

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

Todo livro, filme e seriado costuma apresentar versões relativamente monótonas de dinossauros quando o assunto são suas cores, certo? É importante lembrarmos que nem todos os dinossauros eram, digamos, monocromáticos. Algumas espécies eram repletas de penas e estas, por sua vez, era muito vistosas e coloridas, tal como nos pássaros que vemos voando por aí.

Pesquisadores já encontraram melanossomos fossilizados, ou seja, corpúsculos intra-celulares que processam e armazenam a melanina e dão cor ao animal. O estudo dele permitiu a cientistas recriar com precisão a cor e a combinação de cores dos dinos, o suficiente para mostrar a proximidade com as cores de galinhas.

6. Asas

Em virtude de seus ossos pneumáticos, sacos aéreos e musculatura serem menos desenvolvidas que outras aves, as galinhas não podem voar. Suas asas evoluíram de antebraços curtos que os animais utilizavam para capturar pequenas presas.

Olhando para elas, é possível ver que são uma coleção de dedos fundidos e dobrados contra o osso do braço, muito semelhantes aos de um velociraptor.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.